Dia da Secretária: Nesta data especial, a PGE-RO homenageia suas Colaboradoras

Compartilhe
Os procuradores Juraci Jorge da Silva e Lerí Antônio Souza e Silva, prestam homenagem as assistentes e as parabenizam pelo dia da secretária

 

O procurador Geral do Estado Juraci Jorge da Silva, e o Procurador Geral adjunto Lerí Antônio Souza e Silva, homenagearam todas as assistentes de gabinete da PGE pelo dia da secretária. Os procuradores lembraram a importância das profissionais para os trabalhos da entidade. “ Graças a vocês podemos prestar um ótimo trabalho”, disseram os procuradores.

Espírito prático, atenção minuciosa, pensamento rápido e visão antecipadora das fases que envolvem o trabalho em uma empresa ou escritório são algumas das habilidades necessárias ao exercício da profissão de secretária.

 

(à esquerda) Renata santos Bentes da Silva do Centro de estudos da PGE, ao lado da estagiaria Joana Gama de Araújo

“Cabe a ela assessorar e auxiliar diretores e gerentes no planejamento, na organização e no andamento da rotina diária do local onde atua. Assim sendo, cabe à secretária estar à frente da agenda dos executivos e dos cerimoniais” explica Renata Santos Bentes da Silva que é assessora do gabinete do Centro de Estudos da Procuradoria.

 

Ao centro da foto a gerente administrativa e financeira da PGE Geane Márcia, comemora a data com as colegas de trabalho

Sua função inclui preparação e registro de reuniões, administração das informações que chegam pela internet e o arquivamento de documentos importantes. Outra habilidade exigida é conhecer bem a língua portuguesa. Quanto a idiomas estrangeiros, ter fluência em pelo menos uma outra língua faz a diferença, disse Geane Márcia, gerente administrativa e financeira da PGE-RO.

 

 

Franciele Soares da Costa, assistente do gabinete do Procurador Geral do Estado

O trabalho da secretária mudou muito com o decorrer do tempo. Se antes precisava ser uma exímia datilógrafa e fazer exatamente o que o chefe pedia, hoje ela assume uma posição mais independente, tomando decisões e peneirando o que deve ou não chegar às mãos da chefia. A datilografia e a taquigrafia sendo deixadas para trás e substituídas pelas novas tecnologias. “Temos que evitar a sobrecarga de tarefas para que o trabalho de nossos diretores, que são as pessoas mais importantes e que tomam todas as decisões finais possam fazer isso com atenção e tranqüilidade”, explica Franciele Soares da Costa, assessora do gabinete do procurador geral

 

Nélia de Oliveira Sória, assistente do gabinete do Procurador Geral do Estado

Para Nélia de Oliveira Sória, também assistente do gabite do procurador geral a moderna secretária é praticamente assessora da presidência ou diretoria para a qual trabalha. Além de gerenciar a qualidade das atividades que desenvolve na empresa, também administra a vida e a agenda particular dos executivos. Trata-se, portanto, de uma tarefa de extrema confiança, que exige discrição absoluta. “Tudo passa pelas nossas mãos para que possamos organizar e melhorar o trabalho e vida deles”, diz Nélia de Oliveira.

Nirvana Albuquerque Santana, assessora de gabinete do Procurador Geral do Estado

 

“As palavras que poderíamos apontar como cruciais na rotina diária de uma secretária seriam: postura, discernimento e jogo de cintura. O importante, no entanto, é gostar do que faz e fazê-lo bem”, conclui Nirvana Albuquerque.

 

O procurador Igor Marinho ao lado das assistentes da Procuradoria de Execuções Judiciais – PEJ

 

FONTE

TEXTO: PAULO BESSE

FOTOS: MAURO BARROS

PGE-RO: PROCURADORIA GERAL DO ESTADO DE RONDÔNIA

 

VEJA MAIS FOTOS MAIS FOTOS DA HOMENAGEM

  

Compartilhe